Kingo Labs
Iluminatis
Início » Teorias » Illuminati: saiba mais sobre a sociedade secreta

Illuminati: saiba mais sobre a sociedade secreta

Você já ouviu falar nos Illuminati? Esse termo tem ganhado popularidade nos últimos anos graças a internet. Por enquanto soa como teoria da conspiração, embora grupos com este nome já tenham existido de maneira oficial. Alguns teóricos, pesquisadores e autores garantem que essa sociedade secreta conta com membros do alto escalão mundial. Quer saber mais? Se liga no conteúdo abaixo.

Quem são os Illuminati?

Illuminati são pessoas que compõe um grupo secreto ou uma sociedade secreta que tem o objetivo de dominar o mundo e criar uma Nova Ordem Mundial. Por se tratar de um grupo secreto, existem diversos segredos e mitos envolvendo os Illuminati. Segundo estudiosos do tema, esse grupo procura alcançar o domínio por meio de pressões políticas, econômicas e sociais.

A Nova Ordem Mundial seria um governo global, que envolveria autoridades dos quatro cantos da Terra. Algumas pessoas acreditam que os Illuminati pretendem dizimar a população mundial e reduzir de 7 bilhões de habitantes para no máximo 500 milhões. Outros acreditam que os Illuminati controlam alimentos e água, para matar pessoas.

De onde vem o termo Illuminati?

Essa palavra vem do Latim illuminatus, que significa “iluminado”, representando um grupo ou sociedade que segue o iluminismo como sua doutrina principal. Ao longo da história essa nomenclatura foi empregada a vários grupos, sendo alguns deles reais e outros fictícios. Recentemente o termo voltou a ganhar força principalmente na internet.

A primeira sociedade secreta que utilizou este termo foram os Illuminati da Baviera, na Alemanha, fundada no dia 1º de maio de 1776. Nessa época eles tentaram combater a superstição e o obscurantismo, que levava a sociedade a ser influenciada por crenças religiosas. O grupo era composto por pessoas importantes daquele período histórico.

Símbolos Illuminati

Embora as pessoas que se consideram Illuminati atuem de maneira secreta para esconderem as suas atividades, existem alguns símbolos que já foram desvendados por historiadores, que certamente estão ligados a essa sociedade secreta. Alguns deles podemos encontrar no nosso dia a dia e nem nos damos conta do que são na verdade.

Um dos maiores símbolos Illuminati é a pirâmide ou triângulo, que para eles representa ordem e hierarquia, se a pirâmide desenhada for inacabada, mostra que a obra deles ainda não chegou ao fim. Símbolo que pode ser visto nas notas de 1 dólar americano, o “olho que tudo vê” significa o Grande Arquiteto.

Os Illuminati utilizam a coruja como símbolo de sabedoria e conhecimento. Sabe aqueles obeliscos encontrados em grandes cidades? Podem ser obra de Illuminati mostrando seu poder. Associado a magia negra, o pentagrama também faz parte dos símbolos dessa sociedade. Para fechar, tem o número 666, marca da Besta ou Anticristo.

Como funcionam as sociedades interconectadas?

O escritor norte-americano Mark Dice é bem influente no mundo e acredita que os Illuminati estão procurando dominar tudo. Ele escreveu um livro sobre este tema, indicando o que seria essa ordem. “Acredito que há provas que demonstram que é um grupo real que continua existindo hoje em dia”, comentou em entrevista a BBB Mundo.

De acordo com os estudos desenvolvidos por ele, mesmo após a dissolução do grupo, em 1785, o grupo continuou atuando por meio de diversas sociedades secretas, todas elas interconectadas, como o Grupo de Bilderberg e o Conselho de Relações Exteriores. Para Dice, essas sociedades podem esconder o nome Illuminati para não serem descobertas.

O escritor acredita que os meios de comunicação estão entre os responsáveis por manter esse tipo de segredo ainda oculto, mas com a internet estes grupos começaram a ser expostos. Dice garante ainda que os Illuminati pretendem criar um regime semelhante ao socialismo e utilizam artistas para ajudar em sua causa.

O que é Grupo de Bilderberg?

Bildernberg Group ou Clube de Bilderberg seria uma sociedade secreta que conta com 130 membros, entre as pessoas mais poderosas da Terra. Eles teriam se reunidos pela primeira vez em 1954, num hotel com este nome localizado na Holanda. A partir de então os encontros seriam anuais, sem nenhum tipo de cobertura da mídia, onde praticamente decidem o futuro do Planeta Terra.

O que fazem os Illuminati?

Bom, basicamente os Illuminati se reúnem para reuniões que envolvem assuntos que podem mexer com a vida de muita gente em todo o planeta. Não existem muitos detalhes sobre como funcionam esses encontros e quais táticas eles utilizam para dominar o mundo. Segundo a teoria, para fazer parte do grupo é necessário ter muito poder e dinheiro. Alguns acreditam que eles pretendem criar uma raça pura.

Onde os Illuminati se reúnem?

Teoria da conspiração ou não, segundo estudiosos sobre o assunto existem lugares famosos onde é quase certo que os Illuminati se reúnem. A Disneylândia seria um destes ambientes, existem relatos que Walt Disney tinha ligações com a maçonaria e teria criado projetos para controlar a mente das pessoas, inicialmente no próprio complexo. Símbolo da fé católica, o Vaticano é um local visto por olhos do mundo inteiro e poderia fazer parte destes locais de encontro do grupo.

Alguns acreditam que a Estátua da Liberdade serve como ponto para encontro entre Illuminati, já que lá tem vários símbolos da maçonaria. Na França a Torre Eiffel é outro ponto que funcionária como uma espécie de quartel Illuminati. Sabe o que o Pentágono, a Área 51 e a Casa Branca tem em comum além de ficarem nos Estados Unidos? Servem para encontros de Illuminati, segundo teóricos.

A internet criou o mito Illuminati?

Segundo o autor The United States of Paranoia (“Os Estados Unidos da Paranoia”), Jesse Walker, a internet foi a responsável por ampliar o mito em torno dos Illuminati. Para ele esse grupo algumas vezes é ligado a extrema-direita, outras vezes a extrema-esquerda. Walker acredita que certos artistas passaram a utilizar símbolos Illuminati para confundir as pessoas.

O autor sabe que algumas teorias da conspiração podem parecer verdadeiras e causam angustia nas pessoas. De acordo com ele: “muitos não têm conhecimento suficiente para diferenciar o que é real do que não é”. Cita ainda que os seres humanos buscam ligar as cosias a padrões definidos, causando situações embaraçosas.