Kingo Labs
Maiores cobras do mundo
Home » Ciência » Maiores cobras do mundo: conheça as 10 espécies

Maiores cobras do mundo: conheça as 10 espécies

Se você tem medo do veneno de uma cobra, saiba que as maiores do mundo não possuem essa característica. Aqui falaremos sobre os maiores animais dessa categoria, que podem passar facilmente dos 100 kg e medir mais de cinco metros. São tão grandes que conseguem engolir um homem adulto inteiro se desejarem.

1º Sucuri (Eunectes murinus)

No Brasil ela é chamada de sucuri e em outros países conhecida por anaconda, inclusive já foram gravados alguns filmes com esta nomenclatura. É considerada a cobra mais gorda do mundo, pesando até 220 kg. Não é a mais comprida do ranking, porém seu peso chama bastante atenção. Uma sucuri adulta pode medir até seis metros de comprimento, por um de largura.

Esse animal vive na América do Sul, possuindo quatro espécies, sendo que as três primeiras são encontradas no Brasil: sucuri-amarela, sucuri-verde, sucuri-malhada e sucuri-da-Bolívia. A sucuri é um animal resistente, que pode viver por até 30 anos. Geralmente as fêmeas são maiores do que os machos, passando a se reproduzir aos seis anos de idade. Outra característica é possuir vertebras, devido ao enorme tamanho.

Maiores cobras do mundo

2º Píton-reticulada (Python reticulatus)

Na segunda posição do ranking das maiores cobras do mundo está a píton-reticulada. É considerada a mais comprida do planeta já encontrada até hoje. Existe uma cobra dessa espécie que mede 7,67 metros, ela vive nos Estados Unidos, em um centro de espetáculos. Esse animal quando adulto pode chegar fácil aos 170 kg.

Da família das serpentes, a píton-reticulada pode ser encontrada no Sudeste da Ásia, normalmente em florestas tropicais ou pastagens, próximos de rios e lagos. Ela não possui veneno, considerada na maioria das vezes não perigosa aos seres humanos, embora existam relatos de ataques. Seu principal predador natural é o crocodilo, já na questão alimentação, adoram mamíferos e alguns pássaros.

Maiores cobras do mundo

3º Píton-birmanesa (Python bivittatus)

Fechando o nosso pódio das maiores cobras do mundo, aparece a píton-birmanesa. Mede entre três e quatro metros, pesando geralmente entre 40 kg e 90 kg. Natural do Sudeste Asiático, foi importada para os Estados Unidos, onde passou a ser tratada como um bicho de estimação, porém, algumas fugiram, causando imenso perigo para as populações, principalmente da Flórida.

Sua coloração é marrom, mas algumas delas tem tom mais amarelado. Uma única fêmea da píton-birmanesa consegue por aproximadamente 80 ovos para nascer filhotes. Geralmente se alimentam de cervos, porcos selvagens, roedores, répteis e aves, que são mortos por asfixia. Existem poucos relatos contra humanos, que acontecem somente se estiverem com muita fome no momento.

Maiores cobras do mundo

4º Píton-ametista (Morelia amethistina)

As cobras píton certamente estão entre as maiores do mundo. Outra representante no ranking é a píton-ametista, que na idade adulta pode superar os cinco metros, geralmente pesando entre 40 kg e 80 kg. É possível ser encontrada em países como Indonésia e Austrália. Não gosta de comer seres humanos, mas é melhor não arriscar. Além dos países citados, vivem em várias ilhas do Sudeste Asiático.

Píton-ametista

5º Píton-africana (Python sebae)

Ocupando a 5ª posição no ranking das maiores cobras do mundo, a píton-africana é um bicho difícil de domesticar. Na idade adulta pode chegar até os quatro metros, com peso variando entre 40 kg e 55 kg. Diferente de outras serpentes, é atenta aos filhotes, cuidando dos ovos e ficando com eles durante os primeiros dias de vida.

Sua alimentação envolve aves, antílopes, filhotes de cães selvagens, filhotes de leopardos, filhotes de gnus e diversos outros mamíferos, de preferência. Vivem apenas no continente africano, porém, na década de 1970 muitas foram levadas para os Estados Unidos, na Flórida, algumas escaparam e outras foram levadas por furacões, fazendo com que a sua população crescesse naquele estado. Com tantos animais fora do seu habitat, o ecossistema pode ser afetado.

Píton-africana

6º Píton-indiana (Python molurus)

Encerrando a participação da família no ranking, vem a píton-indiana, que obviamente mora na Índia e também em alguns outros países do Sudeste Asiático. Geralmente quando está com fome vai à caça de animais e se enrosca neles até sufocar, matando por asfixia, na sequência engole sua presa de uma vez só. Mede até três metros de comprimento, com peso médio variando entre 30 kg e 55 kg.

Píton-indiana

7º Anaconda amarela (Eunectes notaeus)

Conhecida também como anaconda do Paraguai, ela vive em locais alagados e costuma atacar quem chega muito perto. Mede entre três e quatro metros de comprimento, com peso de até 40 kg. Ela não costuma ter vizinhos e prefere passar a maior parte do tempo só. Geralmente come aves, ovos, peixes, répteis e mamíferos de pequeno porte.

Na questão da reprodução, as anacondas amarelas possuem apenas um parceiro sexual durante a vida inteira, a gestação dura seis meses, podendo nascer entre quatro e 82 filhotes de uma vez só, já a maturidade sexual vem aos quatro anos de idade. Além do Paraguai, pode ser encontrada na Argentina, Bolívia e Uruguai, e também no Brasil.

Anaconda amarela

8º Jiboia (Boa constrictor)

A jiboia é uma cobra grande, medindo até três metros de comprimento e pesando no máximo 30 kg. Ela não consegue comer seres humanos, assim se tornou animal de estimação para quem gosta de bichos exóticos. No Brasil ela é encontrada em diversos ambientes, como na Mata Atlântica, restingas, mangues e até mesmo no cerrado.

É um animal que prefere fazer as suas atividades durante o período noturno. Considerada do tipo vivíparo, onde o embrião se desenvolve dentro do corpo da mãe, a gestação chega até seis meses, podendo nascer entre 12 e 64 filhotes, que vem ao mundo com 48 centímetros. Quando está com fome, ataca silenciosamente as suas presas.

Jiboia

10º Cobra-real

Fechando o nosso ranking, uma cobra venenosa. A cobra-real pode medir até quatro metros de comprimento e pesa no máximo 6 kg. Ganhou este nome porque gosta de atacar outras serpentes e devorá-las. Seu veneno é tão potente que pode levar um elefante a morte. Pode ser encontrada na Índia e em países do Sudeste Asiático.

Gosta de se alimentar de outros animais, sendo carnívora, adora lagartos, ovos e pequenos mamíferos. Esse tipo de cobra geralmente vive em pares, sendo que na época do acasalamento pode haver uma intensa disputa entre machos. Pode colocar até 50 ovos de uma vez.

Cobra-real