Kingo Labs
Pelé tem mil gols
Home » Esportes » Gols do Pele: Saiba quantos gols oficiais ele marcou. Chegou a mil gols?

Gols do Pele: Saiba quantos gols oficiais ele marcou. Chegou a mil gols?

Pelé venceu três Copas do Mundo e é considerado por muita gente como o melhor jogador da história do futebol. No total ele marcou mais de 1.200 gols durante sua carreira. Mas, em números oficiais a conta não é a mesma. Quantos gols tem Pelé? Ele é o maior artilheiro da história? Confira os números a seguir.

Pelé tem mil gols?

Conhecido por rei do futebol devido aos feitos que conseguiu durante os 20 anos de carreira, Pelé foi artilheiro de muitas competições e ergueu diversas taças. Uma polêmica surgiu em relação aos seus gols, já que muitos historiadores defendem que na verdade são menos de mil, como conta a história.

Quantos gols Pelé marcou no total?

O rei do futebol marcou 1.282 gols no total, esse é o número mais conhecido e divulgado pela mídia brasileira. O ano mais produtivo foi 1959, recém campeão mundial, foram nada menos do que 126 gols, entre jogos pelo Santos e 12 pela Seleção Brasileira. Pelé marcou mais de 100 gols em outras duas temporadas: 1961 e 1965.

Pelé tem mil gols

Relacionados:

E quantos gols são oficiais?

Desse total, Pelé teve 757 gols por competições oficiais. Assim, o ano mais produtivo foi 1958, quando balançou as redes em 75 oportunidades, seguido por 1965, com 72 gols. Os gols oficiais de Pelé são contados entre as temporadas de 1957 e 1977. A pior delas foi 1975, quando o rei fez apenas cinco gols.

Quando foi marcado o milésimo gol?

O milésimo gol de Pelé teria sido marcado em uma vitória do Santos por 2 a 1 contra o Vasco da Gama, no Maracanã, em 1969, no dia 19 de novembro, em uma cobrança de pênalti. Mas, em maio de 1995 uma reportagem do jornal Folha de São Paulo encontrou um gol perdido, do Sul-Americano Militar de 1959. Dessa forma, o milésimo teria sido num amistoso contra o Botafogo da Paraíba, cinco dias antes.

Outras fontes alegam que foi numa vitória contra o Santa Cruz por 4 a 0, no dia 12 de novembro de 1969. Em 1966 o Santos jogou contra a Costa do Marfim, em uma das tantas excursões realizadas pelo Peixe, a vitória foi de 4 a 2 e Pelé teria marcado um dos gols e este jogo não era incluído na conta. Aliás, contra os africanos ele jogou como goleiro na primeira etapa.

Gols de Pelé na Seleção Brasileira

Jogando com a amarelinha, Pelé marcou 77 gols conforme informações da Fifa, isso em 92 partidas. O atacante fez 34 em amistosos, oito pela Copa América, seis nas eliminatórios, 12 em Copas do Mundo e 17 em outras competições. Se considerados os gols totais, seriam 95 bolas na rede.

Gols em Copas do Mundo

Pelé marcou gols em quatro Copas do Mundo, feito igualado somente por Uwe Seeler, Miroslav Klose e Cristiano Ronaldo. A Copa de 1958 foi a mais goleadora, onde Pelé mostrou seu nome para o futebol mundial e fez seis gols. Nos dois Mundiais seguintes, apenas um gol em cada. O rei novamente voltou a brilhar em 1970, com quatro marcados. No total foram 12 gols em Copas.

Gols em Brasileirões

No começo da carreira ainda não existia o Campeonato Brasileiro, na época chamado de Torneio Roberto Gomes Pedrosa, agora reconhecido como Brasileirão Unificado. Pelé fez 175 jogos entre 1959 e 1974, marcando 102 gols em 175 partidas. Os últimos anos foram os mais goleadores, com 14 gols, mas a melhor média aconteceu em 1968, gol 13 gols em 18 jogos.

Gols de Pelé pela Libertadores

Pelé venceu duas edições da Libertadores com o Santos, nas temporadas de 1962 e 1963. Na primeira marcou quatro gols e no total teve 16 pela competição mais importante da América. O Peixe ainda jogou as edições de 1964 e 1965, quando Pelé terminou com sete gols e foi o artilheiro, mas o Santos perdeu na semifinal para o Peñarol.

Gols pelo Campeonato Paulista

O campeonato em que Pelé mais marcou gols foi o Paulistão. No total o atacante balançou as redes em 466 oportunidades, a sua vítima preferida era o Corinthians e depois a Portuguesa. Foi pelo estadual que bateu o recorde de gols, em um jogo contra o Botafogo-SP, em 1964, marcou nada menos do que oito vezes. Todos esses gols resultaram em dez títulos paulistas.

Outros gols oficiais

Pelé marcou 49 vezes pelo antigo campeonato Rio-São Paulo, ajudando o Santos a vencer quatro vezes, em 1963 acabou como artilheiro, marcando 14 gols. Pela extinta Copa Intercontinental foram sete gols contra Benfica e Milan. No Santos teve ainda três gols pela Recopa dos Campeões Intercontinentais. Jogando pelo New York Cosmos fez 37 gols na Liga Norte-Americana.

Gols por partidas comemorativas

No século passado os jogadores atuavam com diversas camisas que hoje não existem mais. Pelé marcou nove vezes em 13 jogos pela Seleção Paulista, fez quatro pela Seleção das Forças Armadas, três gols pelo Sindicato dos Atletas de São Paulo, teve gols ainda pelo Combinado Vasco/Santos e até na Seleção dos Amigos do Garrincha. Pelé jogou partidas pelo Fluminense, Flamengo e Nigéria, mas não fez gols.

Gols em amistosos

Considerando as partidas amistosas, Pelé teve 471 gols. Naquela época o jogador era uma estrela mundial e para pagar os seus salários o Santos fazia várias excursões pela Europa. O time jogava normalmente contra equipes combinadas ou mesmo contra seleções de países. Mesmo com súmula, estes gols não podem ser considerados.

Pelé é o maior artilheiro da história?

Não. O maior artilheiro da história do futebol é brasileiro, mas não é Pelé. O baixinho Romário teve 762 gols oficiais marcados entre 1985 e 2007. Em segundo lugar aparece o tcheco Josef Bican, com 761 gols, de 1928 até 1956. O rei ficou com o terceiro lugar da lista, com seus 757 gols oficiais. Cristiano Ronaldo e Messi estão se aproximando.

E entre todos os gols, Pelé é o maior?

Também não. Contando assim, Bican teria 1.468 gols. Depois dele vem Gerd Müller com 1. 461 e Arthur Friedenreich que dizem ter feito 1.319 gols. Pelé seria o quarto colocado deste ranking com 1.282 gols.